Principais trailer da semana

Está difícil acompanhar os lançamentos? Até dá para acompanhar alguns trailers pelo Instagram da Baleia , mas é bem possível que alguns trailers que você estava aguardando não tenham ido para a rede social.

Pensando nisso, fizemos um resumão com os trailers que saíram essa semana e suas sinopses, para você ficar preparado e já comprar a pipoca.

Confira os melhores lançamentos da semana:

Dois Irmãos – Uma jornada Fantástica

O novo filme da Disney/Pixar conta a história de dois irmãos elfos que vivem num mundo que seria muito parecido com o nosso, se não fossem as criaturas mitológicas que vivem nele. O irmão mais velho é Barley, um elfo animado e charmoso, enquanto o mais novo é Ian, magrelo e introvertido. Juntos eles enfrentam uma viagem para procurar se ainda existe magia nesse universo tecnológico.

Lançamento: 2020

 

Annabelle 3 – De volta para casa

Apesar de já terem lançados alguns outros trailers sobre a boneca amaldiçoada, esse é o que contém mais informações sobre o filme. Ed e Lorraine Warren voltam para  o terceiro filme da franquia, assim como Annabelle a icônica boneca possuída que já ganhou outros dois filmes prequels.

Após levarem a boneca para sua casa e a trancarem em um armário de vidro abençoado por padres, tudo parece ficar bem na casa dos Warren. No entanto, quando os dois saem, Annabelle chama os espíritos malignos do cômodo de objetos profanos do lar dos Warren e passam a assustar sua filha de 10 anos, Judy e todos que estão com ela.

Lançamento: 27 de junho de 2019

 

O Rei Leão

Mais um trailer de um dos live-action mais esperados do ano. O Rei Leão vai explorar a história de Simba, Mufasa e Scar. Após o filhote perder o seu pai em uma armadilha construída por Scar, ele foge e passa a viver com Timão e Pumba. No entanto, ele descobre que o passado não é algo que possa ser ignorado.

Lançamento: 18 de julho de 2019

 

Rainhas do Crime

Adaptada da HQ da Vertigo, The Kitchen, o longa traz grandes nomes como Melissa McCarthy, Tiffany Haddish e Elisabeth Moss. Melissa viverá uma mãe que assume a liderança dos negócios e Tiffany será uma mulher que está disposta a tudo para conseguir o que quer. Moss, ao contrário das primeiras, é uma mulher tímida, presa em um casamento abusivo que vê na violência a saída para os seus problemas.

Lançamento: 9 de agosto de 2019

 

Dor e Glória

O mais novo filme de Almodóvar traz Antonio Banderas como Salvador Mallo, um melancólico cineasta que se vê obrigado a rever as escolhas que fez na vida. Ele reflete sobre sua infância na década de 60, sua imigração para a Espanha, seu primeiro amor e sua relação com a escrita e o cinema.

Lançamento: 13 de junho de 2019

 

Rambo – Last Blood

Sylvester Stallone está de volta como Rambo, quinto filme da franquia. Rambo vive recluso e trabalha em um rancho na fronteira entre Estados Unidos e México. Quando a filha de um amigo é sequestrada, Rambo volta à ativa e resolve enfrentar um dos mais perigosos cartéis do México.

Lançamento: 19 de setembro de 2019

 

O Pintassilgo

A adaptação do livro ganhador do Pulitzer de 2014, reuniu um elenco de peso. Com Nicole Kidman, Ansel Elgort, Finn Wolfhard, Sarah Paulson, Jeffrey Wright, Luke Wilson e Aneurin Barnard. O filme traz a história de Theodore Decker, sobrevivente de um atentado terrorista que matou sua mãe em um museu de Nova York. Ao sair dos escombros, o garoto leva consigo uma obra de arte que o acompanha durante anos.

Lançamento: 10 de outubro de 2019

 

E aí? Qual é o lançamento mais esperado por você? Conta pra gente!

The Mandalorian tem logo oficial revelado pela Disney

The Mandalorian, série do universo de Star Wars, que será disponibilizada no serviço de streaming Disney+, teve sua logo revelada hoje, 11/04. Confira abaixo:

disney-0

A série irá se passar entre os eventos de Retorno de Jedi e O Despertar da Força e irá focar em um pistoleiro que atua longe dos alcances da Nova República. Jon Favreau (Homem de Ferro) escreveu a série e também será produtor executivo. Já o personagem principal será interpretado por Pedro Pascal (Narcos). Mais informações serão reveladas durante a Star Wars Celebration em Chicago, que ocorre de 12 a 14 de abril.

Vale relembrar também que os episódios estarão disponíveis apenas no Disney+, e que este possui lançamento para 2020, na América do Norte. Para a América Latina apenas em 2021.

Guardiões da Galáxia: Elenco publica carta aberta em defesa à James Gunn

Dez dias após a Disney demitir James Gunn,  atores da franquia Guardiões da Galáxia, publicaram em suas redes sociais uma carta aberta apoiando o diretor e mostrando-se contrários à decisão da empresa.

Gunn foi demitido após postagens de anos atrás no seu Twitter com piadas sobre pedofilia e estupro serem descobertos. O diretor já havia pedido desculpas publicamente e voltou a se desculpar, mas a Disney e a Marvel optaram por tirá-lo da direção de Guardiões da Galáxia vol. 3.

Alguns atores de Guardiões da Galáxia já haviam comentado em suas redes o assunto expressando seu apoio à Gunn, entre eles estavam o ator Michael Rooker (Youndo), que saiu do Twitter após a declaração que a rede social é tóxica, Dave Bautista (Drax) e o irmão do diretor, Sean Gunn (Kraglin).

 

Outros atores, como Chris Pratt (Senhor das Estrelas) e Zoe Saldana (Gamora), também se pronunciaram, mas de uma forma mais geral, afirmando o seu amor pelos colegas do elenco.

Agora os atores decidiram que era o momento de falar oficialmente sobre o assunto e, assim, postaram em suas redes sociais uma carta aberta mostrando seu apoio à James Gunn. Confira:

“Aos nossos amigos e fãs.

Nós apoiamos totalmente James Gunn. Ficamos chocados com sua demissão abrupta na última semana e esperamos intencionalmente esses dez dias para que pudéssemos pensar e responder, orar, ouvir e discutir. Naquela época, fomos encorajados pelo coro dos fãs e membros da mídia que também desejam ver Gunn como diretor do Volume 3, e desencorajados por aqueles que foram facilmente enganados pelas teorias da conspiração que o cercam.

Estar nos filmes dos “Guardiões da Galáxia” foi uma grande honra na vida de cada um de nós. Não podemos deixar que isso passe sem expressarmos nosso amor, apoio e gratidão a James. Não estamos aqui para defender as piadas dele, mas para compartilhar nossas experiências passando tantos anos no set com ele fazendo Guardiões 1 e 2. O personagem que ele mostrou no momento de sua demissão consiste com o que ele era todos os dias no set, e suas desculpas, de agora e de anos atrás, quando se lembrou desses momentos, acreditamos que seja de seu coração, um coração que todos conhecemos, confiamos e amamos. Ao escalar cada um de nós para ajuda-lo a contar a história de desajustados que encontram redenção, ele mudou nossas vidas para sempre. Acreditamos que o tema da redenção nunca foi mais relevante do que agora.

Cada um de nós espera poder trabalhar com nosso amigo James novamente no futuro. Sua história não acabou – não a longo prazo.

Existe esse pequeno processo na corte da opinião pública. James com certeza não será a última pessoa boa a ser colocada em julgamento. Dada a crescente divisão política nesse país, é seguro dizer que casos como esse continuarão, embora esperamos que americanos fora do espectro político possam pegar leve com os assassinatos de personagens e parar de transformar mentalmente as massas em armas.

Esperamos que o que aconteceu possa servir de exemplo para que todos nós possamos entender a responsabilidade que temos com nós mesmos no que se refere ao uso de palavras escritas que são gravadas em pedras digitais; que nós como uma sociedade possamos aprender com essas experiência e, no futuro, pensar duas vezes sobre o que queremos falar; e também aprender essa capacidade de ajudar e curar ao invés de machucar o próximo. Obrigado por lerem nossas palavras.

Os Guardiões da Galáxia.”

Será que a Disney e a Marvel Studios vão ouvir os atores e milhares de fãs que assinaram à petição pedindo que James Gunn volte para Guardiões da Galáxia vol. 3?

Acionistas da Disney aceitam valor de compra da Fox por US$ 71,3 bilhões

Após negociações que começaram ano passado, aquisição está mais próxima

Após muitos meses e muitas especulações, os acionistas da Disney, em quase unanimidade, aceitaram a compra da Fox pelo valor de US$ 71,3 bilhões. A decisão foi tomada na manhã de hoje, 27/07, em uma rápida reunião em Nova York.

Quando as conversas começaram no final do ano passado, o valor inicial era de US$ 52,4 bilhões. Porém, o acordo quase foi desfeito quando a companhia Comcast ofereceu US$ 66 bilhões no mês de junho para a Fox.

As negociações entre as duas empresas devem ser finalizadas no primeiro semestre de 2019. Pois ainda há uma grande parte burocrática para ser trabalhada. Não apenas a divisão de cinema está envolvida, mas também séries e diversos programas de TV.

X-Men e Quarteto Fantástico de volta para casa

Fantastic-Four-featured

Talvez o ponto chave de toda essa conversa seja em torno da Marvel, já que a Fox detinha os direitos no cinema dos Mutantes incluindo X-Men, Deadpool e Quarteto Fantástico.

A especulação agora é que todos estes grupos façam parte do MCU, um pedido dos fãs que já é bem antigo. O qual ganhou ainda mais força depois que o Homem Aranha, nas mãos da Sony, passou a interagir com Homem de Ferro e Capitão América na telona.

Porém, não devemos ver uma junção tão cedo, já que apenas em 2019 os acordos finais serão concretizados. Após isso teremos que esperar notícias sobre um possível novo elenco nos filmes feitos pela Fox, além de todo o trabalho para se desenvolver um filme blockbuster.

 

X-Men: Fênix Negra e Novos Mutantes podem ser cancelados

_937ca1ba-31a5-11e8-a509-12b0194ead35

Com toda a comoção envolvendo os acordos entre Fox e Disney, é possível que os filmes que iriam ser lançados, não aconteçam mais. No dia 26/07, o site CosmicBookNews comentou sobre um rumor que apontava o cancelamento dos dois longas, em grande parte pela insatisfação com a qualidade dos cortes finais.

Porém, com as notícias de hoje, é possível imaginar que a Disney já tenha planos de não liberar os filmes e fazer um novo reboot seguindo o padrão da empresa. Contudo, nada foi confirmado sobre o cancelamento ou sobre planos de uma nova franquia dos X-Men.

Guardiões da Galáxia: James Gunn é demitido e não tem mais relações com a Marvel

O diretor não têm mais relações comerciais com a Disney ou Marvel e não será responsável pela direção de Guardiões da Galáxia vol. 3

Após ser alvo de uma polêmica envolvendo piadas sobre estupro e pedofilia publicadas em seu Twitter, o diretor da franquia de Guardiões da Galáxia, James Gunn, foi demitido pela Disney e Marvel Studios.

Os tweets são do período de 2008 à 2011 e contém conteúdo ofensivo. O diretor se defendeu afirmando que seu humor melhorou com o tempo e pediu desculpas por ter ofendido e machucado com suas piadas.

“Muitas pessoas que seguiram minha carreira sabem quando eu comecei, eu me vi como provocativo, fazendo filmes e contando piadas que eram ultrajantes e tabus. Como eu tenho discutido publicamente muitas vezes, como eu me desenvolvi como pessoa, meu trabalho e meu humor também se desenvolveu”.

Você pode conferir alguns dos tweets de James Gunn aqui, mas avisamos que eles são extremamente ofensivos.

“A melhor coisa sobre ser estuprado é quando o estupro acaba e é tipo “oba, não ser estuprado é ótimo!” Gunn tweetou em fevereiro de 2009.

“Eu me lembro da minha primeira reunião de NAMBLA. Foi a primeira vez que me senti OK em ser quem eu sou” Disse em outro tweet, se referindo ao notório grupo de reuniões para pedófilos.

Enquanto seu nome alcançava o trending topics do Twitter, Gunn ainda tentou se justificar dizendo:

“Meus dias dizendo algo só porque é chocante e tentando conseguir uma reação das pessoas terminaram. Eu costumava fazer muitas piadas ofensivas. Não o faço mais. Eu não culpo o meu eu do passado por isso, mas eu gosto de mim mesmo mais e me sinto como um ser humano e criador melhor hoje em dia”.

Após o pedido de desculpas o seu site pessoal e twitter foram deletados, mas o estrago já estava feito. O diretor da Walt Disney Studios, Alan Horn, declarou que o estúdio não está mais ligado à Gunn.

“As atitudes e declarações ofensivas descobertas no feed do Twitter de James são indefensáveis e inconsistentes com os valores do nosso estúdio, e nós rompemos nosso relacionamento comercial com ele”.

 

Disney solta dois clipes “incríveis”

O primeiro filme, lançado em 2004, finalmente terá uma sequência!

A Disney e a Pixar soltaram dois clipes de “Os Incríveis 2” para ir esquentando a gente para o filme, que chega ao Brasil dia 28 de junho.

No primeiro vídeo, a família Pêra está tentando manter a lei e a ordem da cidade com a ajuda do Gelado. Mas as coisas estão um pouco fora de controle.

Já o segundo vídeo, mostra um pouco dos poderes do Zezé, o bebê, novo membro da família de heróis do mundo Pixar. Beto tenta fazer o seu papel de pai, sem dormir há dias, mas não está fazendo um grande trabalho. Pelo menos ele sabe que para trazer Zezinho de volta de outra dimensão, é só pegar o pote de cookies.

Além de Holly Hunter (Mulher Elástica), Craig T. Nelson (Sr. Incrível) e Sarah Vowell (Violeta Pêra), o filme tem ainda no elenco Samuel L. Jackson, como Gelado, Bob Odenkirk, como Winston Deavor e Catherine Keener, como Evelyn Deavor.

Ansiosos pelo novo filme, ou a espera de 14 anos te fez amolecer a memória? Vai lá assistir de novo o primeiro filme e se preparar!